Ciências e Tecnologia » Astrofísica e Astronomia » Aldebarã | Alpha (α) Taurus a gigante vermelha de Touro

Aldebarã | Alpha (α) Taurus a gigante vermelha de Touro

A Alpha (α) Taurus, ou Aldebarã (em inglês Aldebaran), é uma estrela rosa pálida que marca o olho direito do Touro (a estrela Ain, ou epsilon (ε), marca o olho esquerdo) na Constelação de Touro.

O nome dessa estrela vem da expressão Al Dabaran, que significa “O seguidor”, devido ao fato da estrela parecer sempre seguir o aglomerado de estrelas das Plêiades.

História e mitologia da estrela Aldebarã

Além de olho do Touro, Aldebarã também recebe a alcunha de o “Olho do Apocalipse”. Citada por astrônomos antigos como a Estrela Real do Oriente, uma das quatro estrelas reais consideradas as sentinelas que vigiam outras estrelas. É também conhecida como a estrela de Buda, estrela de iluminação, e “Os olhos de Deus”. Esta magnífica estrela tem sido usada durante séculos na navegação. Muitas civilizações acreditavam que ela teria alguma conexão com os espíritos da chuva e da fertilidade da terra. Aproximadamente 5.000 anos atrás, o surgimento de Aldebarã marcou o equinócio da primavera e marcou o início do ano novo babilônico.

Concepção artística de Aldebarã

Concepção artística de Aldebarã

A figura do Touro é freqüentemente associada com a realeza e poder divino. Ao longo de séculos Aldebarã foi reconhecida espiritualmente como um alinhamento com divindades.

Os hindus se referem à Aldebarã como Rohini, o nome do rio no Nepal, onde Buda teria nascido na época da lua cheia em maio, por volta de 563 a.C . Outro nome hindu para Aldebarã é Sataves, que se traduz em “líder das estrelas ocidentais. “

Localizando Aldebarã no céu

Localizando Aldebarã e Touro no Céu

Localizando Aldebarã e Touro no Céu

Além da Aldebarã, existem dois outros aglomerados de estrelas muito bonitos e famosos na constelação de Touro: Híades em forma de V na cabeça do touro, e as Plêiades no ombro. Para localizar Aldebarã ou Touro, siga a linha das três marias que formam o Cinturão de Órion, elas apontam diretamente para o oeste em direção a Aldebarã. Olhe para cima durante a primavera ou verão logo após o pôr do sol, e você verá o Cinturão de Órion e Aldebarã nascendo no leste, viajando em direção noroeste. Aldebarã tem pouca visibilidade no hemisfério norte, sendo melhor observada no outono e inverno.

Características de Aldebarã

 

Localizada um pouco ao sul da eclíptica, no caminho da nossa Lua, Aldebarã tem uma magnitude de 1,2 e é uma das poucas estrelas de maior magnitude que a lua pode encobrir. Possui uma massa de 1,6 M_{\odot}. Aldebarã está a \approx 68 anos-luz da Terra, e possui cerca de 3 vezes o brilho de Polaris, a nossa atual Estrela do Norte.

Aldebarã é uma gigante vermelha estrela, com diâmetro calculado entre 35 e 40 R_{\odot} (40 vezes o tamanho do nosso sol), se fosse colocada no lugar do nosso Sol, sua superfície se estenderia quase à órbita de Mercúrio. Brilha com a cor alaranjada de uma estrela gigante K5. Na luz visível, é cerca de 153 vezes mais brilhante que o sol, apesar de sua temperatura de superfície ser menor (cerca de 4000 kelvins em comparação com 5800 kelvins do nosso sol).

Comparação entre o tamanho de Aldebarã e o nosso sol

Comparação entre o tamanho de Aldebarã e o nosso sol

Aldebarã é uma variável irregular com pequenas variações, pequenas demais para serem notadas a olho nu. Ela também tem uma pequena e fraca estrela companheira, uma anã vermelha de tipo M, a cerca de 3,5 dias-luz de distância. Ou seja, a luz de Aldebarã precisaria viajar durante 3,5 dias para atingir a companheira, enquanto a luz do nosso sol, precisa de apenas \approx 8 minutos para chegar a Terra.

Referências

  1. Richichi, A.; Roccatagliata, V. (2005). “Aldebaran’s angular diameter: How well do we know it?”Astronomy & Astrophysics 433 (1): 305–312. arXiv: astro-ph/0502181  doi:10.1051/0004-6361:20041765
  2. Hatzes, A., Cochran, W. (1993). “Long-period radial velocity variations in three K giants”The Astrophysical Journal 413 (1): 339–348. Bibcode:1993ApJ…413..339H. doi:10.1086/173002
Compartilhe issoShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on StumbleUponShare on LinkedInShare on RedditEmail this to someoneShare on Google+

Escrito por Equipe de Redação Ciências e Tecnologia

Seu comentário é bem vindo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Alpha Taurus ou Aldebarã é a que marca o olho direito de Touro. Veja como localizar Aldebarã no céu, conheça o tamanho dessa gigante vermelha e sua história