Ciências e Tecnologia » Biologia » Células-tronco | Cientistas criam rim utilizando células – tronco

Células-tronco | Cientistas criam rim utilizando células – tronco

Cientistas australianos conseguiram criar um rim do tamanho de um feto de cinco semanas a partir de células-tronco. Os especialistas submergiram as células-tronco em concentrações perfeitamente calibradas de moléculas denominadas fatores de crescimento ou tróficos para guiá-las no crescimento deste órgão em processo que imitava o desenvolvimento normal. Os cientistas utilizaram um molde para a criação do órgão e destacaram que ainda faltam várias décadas para que possam produzir este tipo de órgãos para transplantes.

A criação do rim com células-tronco

Célula-tronco

Estes resultados inicias, são significativos e promissores, porque revelaram o fato de que as células-tronco podem ser organizadas no laboratório para produção de tecidos artificiais que podem substituir os tecidos danificados.

A princípio, os cientistas queriam que as células-tronco produzissem somente um tipo de célula do rim, mas no transcurso das pesquisas notaram que podiam formar dois tipos de células-chave para a formação deste órgão.

Assim, conseguiram que as células colocadas em um molde se organizassem por si mesmas para criar as complexas estruturas existentes no rim humano, acrescentou ao citar este estudo publicado na revista científica Nature Cell Biology.

Como a pesquisa foi feita?

Rim - Células-tronco

Os cientistas examinaram metodicamente quais genes foram ligados e desligados durante o desenvolvimento renal e manipulado então as células da pele em células-tronco embrionárias, que poderia “auto-organizar” e formam estruturas humanas complexas.A pesquisa pode eventualmente ajudar  e melhorar  exames médicos de novas drogas para pacientes com doença renal. Rins humanos são particularmente suscetíveis a danos durante os ensaios, o que faz com que encontre medicamentos eficazes caros e demorados.

Os cientistas esperam  que dentro dos próximos três a cinco anos, os órgãos artificiais possam ser utilizados para permitir que os médicos  façam ensaios com medicamentos no rim artificial, tentando reduzir danos no paciente renal, ou até mesmo criando novas opções de tratamento antes que a doença  possa se instalar no paciente, porém a expectativa maior, ainda é o fim das filas por transplante renal, mas segundo os pesquisadores, ainda  será preciso anos de estudos.

Referências

  1. M. Takasato,  P. X. Er, M. Becroft, J. M. Vanslambrouck, E. G. Stanley, A. G. Elefanty & M. H. Little (2013). “Directing human embryonic stem cell differentiation towards a renal lineage generates a self-organizing kidney“. Nature . DOI:10.1038/ncb2894
Compartilhe issoShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on StumbleUponShare on LinkedInShare on RedditEmail this to someoneShare on Google+

Escrito por Simone Brito

Acadêmica do curso de Biomedicina pela Universidade Castelo Branco, no RJ.

Seu comentário é bem vindo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Cientistas australianos conseguiram criar um rim do tamanho de um feto de cinco semanas a partir de células-tronco. Os especialistas submergiram as células